Rogério Moraes Lourenço

De Flapédia
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo

Introdução

Rogério Moraes Lourenço ( Rio de Janeiro, 20 de Março de 1971 - ) é um ex jogador de futebol revelado pelo Flamengo e que atuava na zaga rubro-negra. Além do Mais Querido, o ex-atleta também fez sucesso no Cruzeiro. Treinou o time de base do Fla e a Seleção Brasileira Sub-20. Assumiu interinamente o comando técnico do Flamengo após a demissão de Andrade em 2010.

Dados

Nome Completo: Rogério Moraes Lourenço
Alcunha: Rogério Lourenço
Data de Nascimento: 20 de Março de 1971
Cidade: Rio de Janeiro
Posição: Zagueiro
Altura: 1,75 m
Peso: 76 Kg

1º Jogo: 28 de Maio de 1988 (Flamengo 6 x 0 Goytacaz)

Carreira

Como jogador

Rogério chegou ao Flamengo com apenas 13 anos de idade, a fim de formar o time da base rubro-negra. Cresceu e aprendeu a jogar futebol assistindo á atuações de atletas do porte de Aldair e Mozer.

Em 1986, esteve com a Seleção Brasileira no Campeonato Sul-Americano Sub-17 e disputou o Campeonato Mundial da categoria no ano seguinte. O time acabou eliminado na primeira fase do mundial disputado no Canadá.

Em 1988, quando ainda tinha 17 anos de idade, recebeu a tarefa de substituir Mozer, ídolo de outrora, que havia se desligado do clube um ano antes. Até então, o Mais Querido do Brasil não havia encontrado outro jogador para a posição e resolveu apostar na base, como já houvera apontado várias vezes a receita de sucesso.

No ano da sua estréia pelo Mais Querido, Rogério, que tinha idade para atuar na categoria júnior, foi convocado para a preparação do Mundial Sub-20, que seria disputado no ano de 1989. Ficou apenas com o terceiro lugar da competição de seleções, mas, melhor que isso, ganhou respaldo de revelação e ganhou mais algumas oportunidades na equipe principal. Foi convocado para a Seleção Brasileira para a disputa do amistoso contra a Seleção do México, Brasil 1 x 0 em 16 de Dezembro de 1993, mas não jogou.

Em 1990, ainda em idade hábil para a disputa de torneios junior, Rogério formou a equipe campeã da Copa São Paulo de Juniores, que contava com Júnior Baiano, Piá, Paulo Nunes e Djalminha. Ao final das disputas da base daquele ano, entretanto, Rogério finalmente firmaria-se no time principal e marcaria época, conquistando seu primeiro título como profissional: a Copa do Brasil.

Zagueiro titular do 23º título carioca da história do Mais Querido do Brasil, Rogério Lourenço provaria a máxima de que Craque o Flamengo faz em casa, e se tornaria essencial também na conquista do Penta de 1992. Na primeira passagem de Rogério pelo Fla, foram 280 partidas, com 23 gols e sem dúvidas, a maior recompensa: o respeito da imensa torcida rubro-negra.

Seguiu do Fla, para o Cruzeiro, onde também assumiria posto de ídolo. Bicampeão mineiro, Rogério ainda levaria para o seu currículo mais uma Copa do Brasil, a de 1996, que credenciaria o clube de Belo Horizonte á disputar a Taça Libertadores da América de 1997.

Antes disso, porém, foi emprestado pelo Cruzeiro em 1996 e jogou dez partidas pelo rival do Flamengo, o Vasco da Gama, depois voltaria a Toca da Raposa para conquistar a segunda Libertadores da equipe. Ao sair do Cruzeiro, seguiu para o Guarani, depois Paraná, e o arqui-rival rubro-negro, o Fluminense, onde jogou apenas 17 partidas.

Voltou ao Flamengo em 2000, em fim de carreira, quando já convivia com sérias contusões. Ficou até 2001, mas só disputou duas partidas. Ainda sim, optou por não encerrar a carreira no clube que o revelou e rumou até o pequeno Vila Nova GO, em 2003, para enfim abandonar os gramados. Foi homenageado pelo Flamengo dando seu nome a duas escolinhas do clube. Uma no bairro carioca da Ilha do Governador e outra na Vila da Penha.

Histórico

Anos Time
1986-1994 Flamengo
1994-1996 Cruzeiro
1996 Vasco da Gama
1997 Cruzeiro
1997 Guarani
1998 Paraná
1999 Cruzeiro
1999 Fluminense
2000-2001 Flamengo
2003 Vila Nova GO
1993 Seleção Brasileira

Títulos

Flamengo

Cruzeiro

Fluminense

Seleção Brasileira

  • Campeonato Sul-Americano Sub-20: 1988

Estatísticas

Ano Jogos Gols Marcados
1988 9 0
1989 28 0
1990 33 3
1991 58 4
1992 48 7
1993 71 5
1994 29 4
2000 1 0
2001 1 0
Total 278 23

Como treinador

Rogério Lourenço

Rogério decidiu dedicar-se a carreira de treinador de futebol no ano de 2006. Técnico bastante promissor, o ex-zagueiro tornou ao clube do seu coração, o Flamengo, para treinar os times juvenis e ganhar experiências nas equipes de base ao lado do ídolo consagrado Adílio, que tinha em suas mãos uma equipe campeã.

No Mais Querido esteve com o time sub 17 entre 2006 e 2008 e já no segundo ano como treinador, teve seu trabalho notado pela CBF, sendo convidado para assumir a Seleção Brasileira de base que disputaria o Torneio de Sendai, no Japão, como preparação para o Mundial Sub-20. Naquela oportunidade, junto aos rubro-negros Raphael e Pecka, foi campeão do torneio japonês e ganhou moral para a disputa mundial.

Em 2009 foi campeão sulamericano sub-20 comandando a Seleção na Venezuela. Aquele time contava com apenas um rubro-negro, o zagueiro Welinton, que ainda naquele ano estrearia no time profissional do Flamengo.

Ao fim do torneio sulamericano, retornou ao Mais Querido do Brasil e viu seu mestre de outrora, Adílio, ser demitido. Assim, Rogério, que já há algum tempo ouvia seu nome ser soprado nos corredores da Gávea assumiu o time de juniores, onde se manteve até o fim de 2009 quando foi convidado a integrar a comissão técnica do então Campeão Brasileiro Andrade.

Durante o primeiro semestre de 2010, Andrade acabou tendo sido responsabilizado por uma série de resultados ruins e foi demitido do cargo de treinador junto com grande parte do seu rol de assistentes. Assim, Rogério, um dos poucos mantidos, assumiu o comando do Flamengo ainda que interinamente e logo após classificar o Mais Querido do Brasil para a fase de quartas-final da Libertadores foi efetivado no cargo.

1º Jogo: 28 de Abril de 2010 (Flamengo 1 x 0 Corinthians)

Rogério teve uma passagem conturbada pelo clube, não tendo conquistando resultados expressivos no comando do Flamengo. Comandou a equipe por 20 partidas, conquistou 7 vitórias, 6 empates e sofreu 7 derrotas. Após o empate por 0 a 0 diante do Atlético-MG no Maracanã Rogério Lourenço foi demitido do clube no dia seguinte (27 de agosto de 2010). Manteve-se sem clube até o fim de 2010, quando foi anunciado como técnico do tradicional Bahia para a temporada 2011 com o propósito de dirigir o clube nordestino em um projeto que envolvesse ao menos toda a temporada, o que não aconteceu. Depois de uma sequência de maus resultados, Lourenço foi demitido precocemente do Bahia ainda em Fevereiro de 2011.

Estatísticas

Ano Jogos Vitórias Empates Derrotas Aproveitamento
2010 20 7 6 7 45%
Total 20 7 6 7 45%

Títulos

Flamengo

Seleção Brasileira

  • Campeonato Sul-Americano Sub-20: 2009
  • Copa Sendai (Sub-19): 2008

Links Externos

Ver Também

Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas