Leonardo Nascimento de Araújo

De Flapédia
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo

Introdução

Leonardo Nascimento de Araújo (Niterói - RJ, 5 de Setembro de 1969) é um ex-jogador de futebol tetracampeão mundial pela Seleção Brasileira e revelado pelo Flamengo. Ao abandonar a carreira de futebolista, Leonardo assumiu a função de dirigente do Milan e, posteriormente, deu início a carreira de treinador.

Dados

Nome Completo: Leonardo Nascimento de Araújo
Nascimento: 5 de Setembro de 1969
Local: Niterói - RJ
Posição: Lateral-esquerdo e Meia
Altura: 1,77 m
Peso: 74 Kg

Nº de Jogos: 176
Nº de Gols: 10

1º Jogo: 5 de Setembro de 1987 (Flamengo 0 X 0 Bahia)

Carreira

Como jogador

Formado nas divisões de base do Flamengo, Leonardo em 1987, quando tinha apenas 17 anos, foi lançado no time principal durante a Copa União. Jogando ao lado de tantos ídolos rubro-negros como Zico, Leandro e Andrade, e dos novos talentos do clube, que incluíam Jorginho, Bebeto e Zinho, Leonardo sagrou-se campeão brasileiro naquele ano. Mas, pouco ficou no Clube que o revelou.

Leonardo - O Globo

Em 1990, Leonardo foi vendido para o São Paulo, onde ganhou o Campeonato Brasileiro, em 1991, sob o comando do técnico Telê Santana. No final de 1991, foi para o Valência. Ficou somente duas temporadas no clube espanhol e, então, retornou ao Brasil, defendendo novamente o São Paulo. Esta segunda passagem pelo tricolor do Morumbi foi curta, no entanto, foi o bastante para que o jogador acumulasse muitos títulos, incluindo o Mundial Interclubes, em 1993.

Então veio 1994, um ano de muita expectativa para Leonardo, que teve a chance de iniciar a Copa do Mundo como titular na lateral-esquerda do Brasil, deixando o experiente Branco no banco. Mas, ficou marcado por uma cotovelada em Tab Ramos, jogador da equipe norte-americana, que teve de sair de campo com seu osso malar fraturado. Punido pela FIFA, ficou de fora do resto da campanha do tetra. Pela Seleção Brasileira foram 90 convocações, com 60 jogos e 7 gols marcados.

Após a Copa, Leonardo foi jogar no Japão. Vestindo a camisa do Kashima Antlers, ele teve nova oportunidade de atuar ao lado de seu grande ídolo e amigo: Zico. Em 1996, o jogador trocou o Japão pela Europa, assinando com o Paris Saint-Germain, da França. Porém, um ano mais tarde, acabou se transferindo para o todo poderoso Milan, onde permaneceu por quatro temporadas consecutivas.

Leonardo deixou o Milan em 2001, retornando ao Brasil para jogar novamente pelo São Paulo. No ano seguinte, decidiu retornar ás origens e assinou pela segunda vez na carreira, um contrato com o Mais Querido do Brasil, o Flamengo. A segunda passagem de Leo pela Gávea prometia ser abrilhantada pelo restante do time que o acompanhava no meio de campo, com destaque para o sérvio Petkovic e Juninho Paulista, que houvera sido contratado junto com o próprio Leonardo. Contudo, em decorrência de uma série de contusões, o jogador acabou participando de poucos jogos tanto no Flamengo quanto no São Paulo. Então, quando surgiram rumores sobre sua possível aposentadoria, o jogador foi convidado a retornar para o Milan, onde acabou encerrando sua carreira em 2003.

Desde 1998, Leonardo passou a dedicar-se com programas de sociais na Fundação Gol de Letra e na Fondazione Milan. Na Copa do Mundo de 2006, trabalhou como comentarista esportivo no programa Match of the Day, da rede de tv britânica BBC. No Milan, Leonardo ocupou desde que pendurou as chuteiras, em 2003, o cargo de consultor de mercado do clube, tendo sido o responsável direto pela contratação do habilidoso meia Kaká.

Histórico

Anos Time
1987-1990 Flamengo
1990-1991 São Paulo
1991-1993 Valência - Espanha
1993-1994 São Paulo
1994-1996 Kashima Antlers - Japão
1996-1997 Paris Saint Germain - França
1997-2001 Milan - Itália
2001 São Paulo
2002 Flamengo
2002-2003 Milan - Itália
1990-2001 Seleção Brasileira

Títulos

Flamengo

São Paulo

Kashima Antlers

  • Campeonato Japonês: 1996

Milan

  • Campeonato Italiano: 1999

Seleção Brasileira

Prêmios

Estatísticas

Ano Jogos Gols Marcados Assistências Cartão Amarelo Cartão Vermelho
1987 19 0 0 0 0
1988 63 1 0 0 0
1989 52 1 0 0 0
1990 35 5 0 0 0
2002 8 3 0 0 0
Total 176 10 0 0 0

Como treinador

Em 2009, ao fim da temporada italiana, o então técnico Carlo Ancelotti se desligou do Milan e abriu espaço para o então diretor de futebol do clube, Leonardo. Curioso é que desde o ínicio daquele ano cogitava-se a candidatura do ex-jogador para a presidência do Flamengo, uma vez que em viagem ao Brasil, pouco antes da sua efetivação frente ao clube italiano, Léo deu entrevistas que sugeririam esta possibilidade.

Fora do Milan em 2010, depois de uma temporada de frustrações, Leo passou algum tempo sem clube até acertar com a Inter de Milão, clube que na época era Campeão Mundial e contava com nomes da grandeza do ex-goleiro flamenguista, Júlio César. Da Internazionale saiu para ser dirigente em outro clube que construiu laços na Europa em seu tempo de jogador: Paris Saint Germain.

Links Externos

Ver também

Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas