José Roberto Francalacci

De Flapédia
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo

Introdução

José Roberto Francalacci

José Roberto Francalacci (Imbituba - SC, 5 de Novembro de 1938) é um renomado preparador físico, responsável pela ascenção de grandes nomes do futebol brasileiro, entre eles, o ídolo maior do Flamengo, Zico. Durante sua passagem de 28 anos pela Gávea, acumulou por duas vezes o cargo de treinador de futebol.

Dados

Nome Completo: José Roberto Francalacci
Nascimento: 5 de Novembro de 1938
Local: Imbituba - SC
Falecimento: 19 de Dezembro de 2015
Local: Rio de Janeiro
Função: Preparador Físico e Técnico Interino

Período como técnico:

  • De 15/02/1970 até 01/04/1970
  • De 20/08/1983 até 07/09/1983

Primeiro Jogo: 15 de Fevereiro de 1970 (Flamengo 3x1 Mitsubishi)
Último Jogo: 7 de Setembro de 1983 (Flamengo 2x6 Bangu)

Carreira

O renomado Francallaci nunca foi exatamente treinador de futebol. Competente preparador físico, foi responsável na década de 70 pela ascenção do mito Zico. Ao lado de outros grandes nomes, Francallaci implantou um programa inédito de desenvolvimento físico para que o Galinho pudesse adquirir massa muscular e aguentar o tranco dos zagueiros. Nos anos que seguiram ao trabalho do preparador, Zico ganhou seis centímetros e nove quilos, já Francallaci colocou seu nome na história por proporcionar subsídios para que a estrela do ídolo brilhasse.

Assumiu o comando técnico do Flamengo pela primeira vez em 1970, durante uma excursão do Time B ao Japão e a Coreia do Sul, sendo a primeira visita do clube aos dois países orientais. O time principal era dirigido por Yustrich, que ficou no Rio de Janeiro para a disputa da Taça Guanabara, que o Fla ganhou. Entre os renegados, estavam Ubirajara Alcântara, Cardosinho e Mário Sérgio. Somando um amistoso no Maracanã, foram 9 jogos: 3 vitórias, 4 empates e 2 derrotas.

No ano de 1983, com a demissão de Carlos Alberto Torres, Francallaci foi desafiado a assumir o Mais Querido do Brasil durante o Campeonato Carioca daquele ano até a contratação de um novo nome. No período em que assumiu o Fla, ironicamente o preparador não pôde contar com o seu pupilo, Zico, que àquela altura já havia rumado para a Itália a fim de defender a Udinese.

A ausência de Zico, há que se dizer, foi decisiva para que Francallaci não obtivesse frente ao Fla, o mesmo desempenho que teve na formação do Galinho. Com isso, quatro partidas depois de assumir, o preparador deu lugar a Cláudio Galbo Garcia. Outrossim, Francalacci continuou na Gávea por muitos anos, período em que conquistou diversos títulos.

Morreu em 19 de Dezembro de 2015, aos 77 anos. Francalacci sofria de diabetes e teve complicações cardíacas nas últimas semanas de vida. Ele estava internado no hospital Casa de Portugal, no bairro carioca do Rio Comprido. Na ocasião, Zico postou uma mensagem nas redes sociais ao saber da morte do amigo: "Acordei hoje aqui na Índia com uma notícia muito triste. Morreu Francalacci. Eu só tenho a agradecer pelo trabalho feito comigo e a importância dele pra nossa geração no Flamengo como preparador físico. Como jogávamos muito, e às vezes 3 e até 4 jogos por semana, Franca criou o famoso Pijama Training. Mandava a gente em casa ou no hotel dormir bem e só levantar pra ir para as refeições. Força para a família do grande Franca, que ele descanse em paz."

Estatísticas

Ano Jogos Vitórias Empates Derrotas Aproveitamento
1970 09 03 04 02 48,1%
1983 04 01 01 02 33,3%
Total 13 04 05 04 43,5%

Links Externos

Ver também

Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas