Fla Sampa

De Flapédia
Ir para: navegação, pesquisa
Logo da Fla Sampa

Conteúdo

Introdução

"A história da Fla-Sampa começa no final de 2004 quando Julliano Spaziani (Juba), Vinicius Schurgelies e Luis Dau discutiam no site de relacionamentos Orkut sobre um lugar para assistir aos jogos do Flamengo.

Juba sugeriu o O'Malleys e os três foram ao pub no dia 19 de dezembro de 2004 assistir a última partida do Flamengo no Brasileirão daquele ano. O jogo contra o Cruzeiro acabou não sendo transmitido e os três foram obrigados a ver Atlético-PR x Botafogo. Preocupado com a partida, já que o time corria o risco de ser rebaixado na competição, Dau ligava para o pai que assistia a partida no Rio de Janeiro e informava os três do resultado, que acabou em goleada para os cariocas por 6 x 2 e a permanência da equipe na divisão de elite do futebol brasileiro.

Ano de 2005

Foto da Fla Sampa

O encontro pareceu promissor e dali os três começaram a se programar para assistirem juntos aos jogos do Campeonato Carioca de 2005. Nesta época, a mobilização dos flamenguistas ganhou força e novos torcedores começaram a aderir ao movimento e garantir presença constante ao pub. Alexandre, Edda, Guilherme, Paulinho, Michel, Zezinho, Silvana, Marcos, Rafael Carioca e Leandro ajudaram a divulgar e fazer com que a Fla-Sampa se tornasse uma realidade.

A torcida ganhou espaço e novos adeptos chegaram: Fabio, Décio, Anderson, Paulo Eugênio, Hassan, Bassam, Joanna, Jorge, Cecília e, Bruno, dentre outros. Com eles, a Fla-Sampa ganhou presença também fora do bar e começou a assistir aos jogos do Flamengo ao vivo, quando o rubro-negro atuava dentro do estado de São Paulo. A campanha do time não ajudava e a possibilidade de rebaixamento crescia a cada partida. Mesmo assim, os resultados negativos, por incrível que pareça, serviram pra unir ainda mais a galera da Fla-Sampa, que apesar da péssima campanha, sempre se reunia pra ver os jogos.

No dia 16 de novembro de 2005, sob sugestão do Vinicius (carinhosamente chamado de presidente da torcida), a Fla-Sampa comemorou o aniversário do clube no O'Malleys com bolo, bexigas rubro-negras e muita cerveja.

Enquanto os torcedores faziam a festa no bar, o Flamengo batia o Fortaleza por 3 x 0. No último jogo de 2005, o time já estava livre do rebaixamento e mesmo assim o pub recebeu o maior público do ano. A Fla-Sampa realizou o sorteio de um DVD com a conquista do Mundial Interclubes de 1981 produzido pelo Guilherme e a casa lotou, consolidando de vez a força da torcida.

Ano de 2006

Fla-Sampa

O ano de 2006 começou bem para a Fla-Sampa. Estabelecida e bastante conhecida, a torcida ganhou a sua terceira geração com a chegada de João Tatá, Mato Grosso, Renato, Murilo, e mais diversos rubro-negros. Durante a Copa do Mundo da Alemanha aconteceu a 1ª Feijoada da Fla-Sampa, realizada no Bar Samba, na Vila Madalena, com presença maciça das três gerações da torcida.

Se o começo do ano foi bom, o melhor estava por vir. Logo após o final da Copa do Mundo, os rubro-negros prestigiaram a Copa que realmente interessava aos seus 35 milhões de torcedores: a Copa do Brasil. No primeiro jogo da final contra o rival Vasco da Gama, o O'malleys estava lotado, onde ninguém conseguia se mexer. A galera vibrava como se estivesse no estádio e na hora dos gols da vitória por 2 x 0 os torcedores não se contiveram, misturando abraços e lágrimas de felicidade.

Empolgados, os rubro-negros de São Paulo se mobilizaram para fazer a festa na grande final, no Maracanã. A torcida foi do jeito que achou melhor, alguns de carro, outros de ônibus e uns de avião. Quem não pôde comparecer ao estádio fez a festa no O'Malleys e nas ruas de São Paulo, exibindo com orgulho bandeiras, camisas e a faixa (produzida pelo Zezinho) pela Avenida Paulista e suas imediações.

A torcida cresceu e uma nova sede foi exigida. Atualmente, os rubro-negros que moram na capital paulista se reúnem no bar Villa Bella, que fica no bairro do Campo Belo.
Unida, fortalecida e cada vez mais conhecida, a Fla-Sampa pretende continuar a crescer e agrupar cada vez mais o número de torcedores do Flamengo que residem no estado de São Paulo. Sem vinculo com nenhuma torcida organizada, o objetivo desses torcedores continua sendo o mesmo: "Cantar ao mundo inteiro a alegria de ser rubro-negro."

Texto criado por Fábio Martins.

Ver também

Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas