Campeonato Carioca 2006

De Flapédia
Ir para: navegação, pesquisa
Navegue ano a ano do Campeonato Carioca disputados pelo Flamengo
Campeonato Carioca de Futebol
1912 / 1913 / Trofeu.JPG1914 / Trofeu.JPG1915 / 1916 / 1917 / 1918 / 1919 / Trofeu.JPG1920 / Trofeu.JPG1921 / 1922 / 1923 / 1924 / Trofeu.JPG1925 / 1926 / Trofeu.JPG1927 / 1928 / 1929 / 1930 / 1931 / 1932 / 1933 / 1934 / 1935 / 1936 / 1937 / 1938 / Trofeu.JPG1939 / 1940 / 1941 / Trofeu.JPG1942 / Trofeu.JPG1943 / Trofeu.JPG1944 / 1945 / 1946 / 1947 / 1948 / 1949 / 1950 / 1951 / 1952 / Trofeu.JPG1953 / Trofeu.JPG1954 / Trofeu.JPG1955 / 1956 / 1957 / 1958 / 1959 / 1960 / 1961 / 1962 / Trofeu.JPG1963 / 1964 / Trofeu.JPG1965 / 1966 / 1967 / 1968 / 1969 / 1970 / 1971 / Trofeu.JPG1972 / 1973 / Trofeu.JPG1974 / 1975 / 1976 / 1977 / Trofeu.JPG1978 / Trofeu.JPG1979* / Trofeu.JPG1979 / 1980 / Trofeu.JPG1981 / 1982 / 1983 / 1984 / 1985 / Trofeu.JPG1986 / 1987 / 1988 / 1989 / 1990 / Trofeu.JPG1991 / 1992 / 1993 / 1994 / 1995 / Trofeu.JPG1996 / 1997 / 1998 / Trofeu.JPG1999 / Trofeu.JPG2000 / Trofeu.JPG2001 / 2002 / 2003 / Trofeu.JPG2004 / 2005 / 2006 / Trofeu.JPG2007 / Trofeu.JPG2008 / Trofeu.JPG2009 / 2010 / Trofeu.JPG2011 / 2012 / 2013 / Trofeu.JPG 2014 / 2015




Campeonato Carioca de Futebol de 2006
Participantes 12
Período 14 de janeiro-9 de abril
Campeão Botafogo
Vice-Campeão Madureira
Artilheiro Dodô (Botafogo): 9 Gols

Conteúdo

Introdução

A 102ª edição do Campeonato Carioca, foi disputada em dois turnos vencidos por Botafogo e Madureira, a grande surpresa do campeonato. Nas finais, o Botafogo venceu os dois jogos e sagrou-se campeão.

A participação do Flamengo foi uma das piores dos últimos tempos, terminando a competição com apenas duas vitórias, em penúltimo (décimo-primeiro lugar), à frente apenas da Portuguesa.

Equipes participantes



Clasificação

Taça Guanabara

Grupo A

Classificação
Time PG J V E D GP GC SG %
1 Americano 10 5 3 1 1 12 10 +2 66,7
2 Cabofriense 9 5 3 0 2 7 7 0 60,0
3 Nova Iguaçu 9 5 3 0 2 5 -11 -6 60,0
4 Fluminense 8 5 2 2 1 14 5 +9 53,3
5 Flamengo 5 5 1 2 2 9 9 0 33,3
6 Portuguesa 1 5 0 1 4 5 13 -8 6,7
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols

Grupo B

Classificação
Time PG J V E D GP GC SG %
1 América 9 5 3 0 2 10 6 +4 60,0
2 Botafogo 9 5 3 0 2 12 9 +3 60,0
3 Volta Redonda 9 5 3 0 2 10 8 +2 60,0
4 Vasco da Gama 7 5 2 1 2 10 10 0 46,7
5 Friburguense 7 5 2 1 2 6 8 -2 46,7
6 Madureira 3 5 1 0 4 4 11 -7 20,0
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols
Classificados para as Semifinais

Semi-Final

A Semi-Final ocorreu em partidas apenas de ida, todas no Maracanã. Os jogos foram:

  • Primeiro do Grupo A (Americano) vs. Segundo do Grupo B (Botafogo)
  • Primeiro do Grupo B (América) vs. Segundo do Grupo A (Cabofriense). Caso termine em empate, o classificado para a final será decidido através das cobranças de pênaltis.
Time 1 Resultado Time 2 Penaltis
Americano 1-2 Botafogo
América 1-1 Cabofriense 5-4*

Negrito: Classificados para à Final

Final

A final foi disputada no Maracanã, em jogo único, consagrando o Botafogo como campeão da Taça Guanabara.

Campeão Resultado Vice-Campeão
Botafogo 3-1 América


Taça Rio

Grupo A

Classificação
Time PG J V E D GP GC SG %
1 Cabofriense 9 6 2 3 1 10 7 +3 50,0
2 Americano 8 6 2 2 2 9 9 0 44,4
3 Fluminense 8 6 2 2 2 10 11 -1 44,4
4 Flamengo 6 6 1 3 2 11 12 -1 33,3
5 Portuguesa 5 6 1 2 3 5 11 -6 27,8
6 Nova Iguaçu 4 6 1 1 4 10 13 -3 22,2
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols

Grupo B

Classificação
Time PG J V E D GP GC SG %
1 América 11 6 3 2 1 10 6 +4 61,1
2 Madureira 11 6 3 2 1 9 6 +3 61,1
3 Friburguense 10 6 3 1 2 14 15 -1 55,6
4 Vasco da Gama 9 6 2 3 1 12 11 +1 50,0
5 Volta Redonda 7 6 2 1 3 8 8 0 38,9
6 Botafogo 7 6 1 4 1 10 9 +1 38,9
PG - pontos ganhos; J - jogos; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP - gols pró; GC - gols contra; SG - saldo de gols
Classificados para as Semifinais

Semi-Final

A Semi-Final ocorreu em partidas apenas de ida, todas no Maracanã. Os jogos foram:

Time 1 Resultado Time 2 Penaltis
Cabofriense 1-1 Madureira 3-4 *
América 1-3 Americano

Negrito: Classificados para à Final

Final

A final foi disputada no Maracanã, em jogo único, consagrando o Madureira como campeão da Taça Rio

Campeão Resultado Vice-campeão
Madureira 1-0 Americano

Final

Campeão Resultado Vice-campeão Jogo 1 Jogo 2
Botafogo 5-1 Madureira 2-0 3-1


Artilharia

9 Gols: Dodô (Botafogo)

8 Gols: Sorato (Cabofriense)

7 Gols: Túlio (Volta Redonda)

6 Gols: Robert (América), Luizão (Flamengo), Romário (Vasco) e Robson Biúla (Portuguesa)

5 Gols: Faioli (Americano), Jones (Friburguense), Adriano Magrão (Fluminense) e Deni (Nova Iguaçu)

4 Gols: Chrys e Santiago (América), Lúcio Flávio, Reinaldo e Zé Roberto (Botafogo), Cesar Ramirez (Flamengo), Maicon (Madureira), Marcos Denner (Nova Iguaçu) e Ygor e Valdiran (Vasco)

Curiosidades

  • Pela primeira vez, os quatro times grandes do Rio de Janeiro ficaram de fora das semi-finais de um turno desde que a competição passou ser disputada no formato atual.
  • Esse campeonato marcou o Centenário do torneio.

Flamengo

Artilheiros do Flamengo

1º lugar: Luizão (6 gols)
2º lugar: Cesar Ramirez (4 gols)
3º lugar: Juan (2 gols)
3º lugar: Diego Souza (2 gols)
3º lugar: Renato (2 gols)
4º lugar: Fabiano Oliveira (1 gol)
4º lugar: Jônatas (1 gol)
4º lugar: Fellype Gabriel (1 gol)
4º lugar: Ronaldo Angelim (1 gol)

Elenco

Goleiros: Diego e Getúlio Vargas.

Laterais Direito: Léo Moura, Léo Matos e Marcelinho.

Laterais Esquerdos: Juan, André, Egídio e André Santos.

Zagueiros: Renato Silva, Fernando, Ronaldo Angelim, Marlon, Thiago Campos e Rodrigo Arroz.

Volantes: Júnior, Jônatas, Diego Souza, Rômulo, Felipe Dias, Robson e Elan.

Meias: Fellype Gabriel, Renato, Toró (era usado como Volante), Peralta, Rodrigo Broá, Vinicius Pacheco, Célio Júnior, Thiago Coimbra e Willian Amendoim.

Atacantes: Obina, Luizão, Cesar Ramirez, Fabiano Oliveira, Gilmar, João Alex e Emerson.

Técnicos: Adílio e Waldemar Lemos.

  • Apenas os jogadores que atuaram.

Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas